sábado, 8 de novembro de 2014

HEBREUS 10,25: "A TRANSGRESSÃO HERMENÊUTICA".

  
        















                        
                 

               “ANTES DE DESENVOLVER O ASSUNTO      ANUNCIADO NO TÍTULO É IMPORTANTE ACENTUAR NÃO TER ESTE ARTIGO O PROPÓSITO DE DEFENDER A LEGALIDADE OU A ILEGALIDADE DA CLASSE DOS "DESTEMPLADOS", MAS MOSTRAR UMA INJUSTIÇA DA QUAL ELES SÃO VÍTIMAS DEVIDO AO ERRO HERMENÊUTICO COMETIDO POR PARCELA CONSIDERÁVEL DE CRISTÃOS, - INCLUSIVE COM O APOIO DE ALGUNS MESTRES - AO CITAREM HEBREUS 10,25, A FIM DE CONDENAR A DECISÃO DESTES IRMÃOS EM NÃO FREQUENTAR OS CULTOS REALIZADOS NOS TEMPLOS DENOMINACIONAIS, E DE TEREM SEUS NOMES INSCRITOS NO ROL DE MEMBROS DAS INSTITUIÇÕES."

PRIMEIRO ÂNGULO:

AS TRADUÇÕES BÍBLICAS


- BÍBLIA DE JERUSALÉM:  "Não deixemos nossas ASSEMBLEIAS, como alguns                                             costumam fazer. Procuremos, antes, animar-nos                                             sempre mais, à medida que vedes o DIA se                                                       aproximar."
- KING JAMES E NVI: "Não abandonemos a tradição de nos REUNIRMOS                                            COMO IGREJA, segundo o procedimento de alguns                                            mas, pelo contrário, motivemo-nos uns aos outros, 
                                   tanto mais quanto vedes que o DIA está se                                                       aproximando."
- ALMEIDA REVISADA: "Não abandonando a nossa CONGREGAÇÃO, como é o                                      costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos                                         outros e tanto mais quanto vedes que se vai                                                     aproximando aquele dia."
-ALMEIDA REVISTA E ATUALIZADA: "Não deixemos de CONGREGAR-NOS,                                                                como é o costume de alguns, antes,                                                               façamos admoestações e tanto mais                                                                 quanto vedes que o DIA se aproxima."
                                 
             Quando se faz uma consulta às principais traduções da Bíblia facilmente se constata haver unanimidade no 'significado ou naquilo, que deve ser abandonado, porém as palavras usadas no português para expressar ou identificar este foco são variadas, e no caso da tradução JOÃO FERREIRA DE ALMEIDA: EDIÇÃO REVISADA E ATUALIZADA, -- uma das mais lidas no Brasil-- a palavra CONGREGAÇÃO causa uma séria confusão, pois no meio protestante ou evangélico, - principalmente entre as denominações tradicionais - este termo é utilizado normalmente para se referir a uma espécie de "filial", que ainda não possui condições para se manter, e portanto depende do "templo sede" ou da convenção da denominação a qual pertence. 
Assim como IGREJA não é o templo onde nos reunimos, o mesmo acontece em relação à CONGREGAÇÃO, ou seja, o nome significativo para a reunião de um grupo de pessoas, se transforma  no nome significativo do local onde este grupo se reúne. 
Examinemos o significado de CONGREGAÇÃO de acordo com a Wikipédia e de acordo com o dicionário  
Wikipédia - Congregação é grupo de pessoas reunidas para determinado propósito ou atividade. Tem a sua origem etimológica na palavra grega ekklesia, que significa literalmente “chamada para fora”, de ek, “para fora”, eklesis, “chamada”. O termo foi usado pelos primitivos gregos com respeito a um corpo de cidadãos reunidos para tratar de assuntos de Estado. Os equivalentes, em português, desta palavra são “assembléia” e “congregação”.
Dicionário léxico - 
  Significado de Congregaçãosubstantivo feminino:
                                          1. comunidade religiosa: a congregação evangélica             Sinônimos: comunhão, comunidade, confraria, irmandade e sociedade.        Classificação gramatical: nome feminino                                                     Plural de congregação: congregações.                                                                 Exemplo com a palavra Congregação: O cardeal José Saraiva Martins, prefeito emérito da congregação para a Causa dos Santos, defendeu "tolerância zero" contra os padres pedófilos, mas salvaguardou que por detrás destes casos há também uma "maquinação" para atacar a Igreja.                                                                                 ----Jornal de Notícias, 25.03. 2010 ---

SEGUNDO ÂNGULO:
O SENTIDO ORIGINAL:   
                                   A regra hermenêutica sobre "o sentido original"  ensina a necessidade de  estabelecer o que a  passagem deve ter  significado para o autor original e seus leitores. A cultura da época torna-se muito importante neste caso.
Então a pergunta chave é: "Em que lugar e como era as reuniões das pessoas a quem a epístola aos hebreus foi direcionada?" 
A própria Bíblia em outros textos escritos na mesma época nos informa que as reuniões aconteciam principalmente nas casas dos próprios cristãos e não havia especificamente uma pessoa para dirigir estas reuniões, tanto é que a orientação e direção dada pelo apóstolo Paulo em suas cartas, é feita a todos os irmãos de uma cidade. Um exemplo está nas instruções em 1ª aos Corintios 11 e 13. 
Outro detalhe importante nos é fornecido pelas palavras do próprio texto.  "Procuremos, antes, animar-nos sempre mais, à medida que vedes o DIA se aproximar." "Antes admoestando-nos uns aos outros e tanto mais quanto vedes que se vai aproximando aquele dia."  "Motivemo-nos uns aos outros tanto mais quanto vedes que o DIA está se aproximando."
Estas palavras nos dão um indício bem forte da motivação das reuniões daquela época, que era o de "animar" uns aos outros, enquanto esperavam pela volta de Jesus Cristo. Definitivamente este não é o tipo de motivação existente nas reuniões denominacionais atuais, onde apenas o pregador tem o direito da palavra, e é ele o único motivador, admoestador e exortador.  


 CONCLUSÃO: 
                                 Tal como foi colocado no início: " O intuito deste artigo não é o     debate se estão certos ou errados os irmãos que não frequentam os templos, -- os  quais prefiro cognominar "destemplados" e não "desigrejados"--, mas deixar nítido para aqueles que ainda tiverem dúvidas, a inconsistência da citação de Hebreus 10.25 para condenar a decisão tomada por estes irmãos.
 Creio que o intuito tenha sido cumprido. 
 Em 08 de novembro de 2014.
Fabio S Faria





                      




2 comentários:

  1. Olá! É óbvio que pra grande massa este assunto é só uma tentativa de desunir ou destruir o corpo de Cristo, claro que não é esse o objetivo!
    Quem busca a verdade a encontra, e à luz do verdadeiro evangelho passa a saber que todo aquele que faz negócio com o evangelho é ladrão e mercenário e maldito por ensinar outro evangelho, buscando benefício próprio e de suas empresas erroneamente descritas como "igreja". Não devemos deixar que homens se interponham entre nossa fé e razão buscando nos guiar por este por aquele caminho afirmando que tem a chave da sabedoria que salva, isto é mentira. Somos todos livres por Cristo. E temos que anunciar o verdadeiro evangelho, ensinando o quanto é leve e suave.
    Douglas L. Figueiredo - radiosoulivre.com.br - Canal Sou Livre (Youtube).

    ResponderExcluir

Blogger Template by Clairvo